Dicas de uso do elevador: saiba como cuidar do equipamento corretamente

Cuidados com as portas e outros componentes merecem atenção

 

Os elevadores são equipamentos muito presentes na vida das pessoas. Hoje, a grande maioria dos condomínios, edifícios residenciais e prédios comerciais contam com eles para o transporte vertical dos moradores e funcionários desses locais. No entanto, ainda que eles sejam um equipamento seguro e moderno, existe uma série de cuidados que devem ser tomados para manter o bom funcionamento e a segurança durante a viagem. Desse modo, tanto passageiros quanto os elevadores são preservados.
Quer saber algumas dicas de uso do elevador? Confira a seguir:

10 dicas para cuidar bem do elevador

 

1 – Verifique se o elevador está devidamente parado no seu andar antes de entrar no equipamento

Essa medida garante que acidentes mais graves não aconteçam e que maiores problemas sejam evitados. Além disso, também é importante verificar a altura do elevador quando ele chegar. Em alguns casos, eles podem parar desalinhados com o pavimento, gerando degraus. Desse modo, os passageiros podem tropeçar e se machucar.

2 –  Não aperte o botão por várias vezes seguidas

Esta é uma prática muito comum em edifícios, tanto comerciais quanto residenciais, mas não vai fazer com que o elevador chegue mais rápido. Além disso, ela pode desgastar seu mecanismo.
Muitas pessoas vivem com pressa o tempo todo, e acabam buscando “descontar” o tempo perdido em locais como os elevadores. No entanto, de nada funciona. Na verdade, a única possibilidade é que algum dano ocorra com o botão ou botoeira.

3 – Nunca tente abrir ou fechar a porta sozinho

O equipamento tem o seu tempo para realizar suas tarefas e você pode acabar se machucando.
Bem como no item anterior, a pressa pode acabar sendo inimiga dos elevadores. Há quem tente abrir ou fechar as portas dos elevadores de forma manual, enquanto elas tem sua própria programação e tempo para trabalhar. As únicas consequências que atitudes como essa podem trazer são danos aos elevadores ou o perigo de se machucar aos passageiros.

4 – Não aperte o botão de alarme desnecessariamente e não bloqueie o fechamento das portas com objetos

Os elevadores são programados para atuar de uma maneira específica. Muitos têm sensores, e permanecem abertos por um tempo enquanto algo está na direção da porta. No entanto, depois de um tempo, ele é programado para fechar, e tentar impedir esta ação pode ser prejudicial.
Além disso, seu alarme é designado para situações de emergência. Aperta-lo em momentos desnecessários pode acabar movimentando de forma equivocada profissionais como zeladores e porteiros.

 

Botões do elevador

 

5 – Em casos de emergência, ligue para a portaria e comunique o que está acontecendo

É possível que alguns problemas ocorram nos elevadores, como travamento das portas ou falta de energia, por exemplo. No entanto, mantenha a calma. Esses equipamentos são feitos com sistemas de segurança e essa recomendação está entre as melhores dicas de uso do elevador, que devem ser sempre lembradas.
Não tentar sair por conta própria dos elevadores é outra recomendação importante. Isso porque o elevador pode estar parado entre dois andares, criando perigo na hora de sair. Espere até que um profissional especializado faça o resgate.

6 – Não ultrapasse o limite máximo

Dessa maneira, fique atento ao limite de carga para que a viagem seja segura e confortável para todos da cabina.
Todos os elevadores tem dentro de sua cabina um informativo com o limite máximo de peso e de pessoas. Portanto, é fundamental estar atento a ele e respeita-lo. Desse modo, não só os passageiros do elevador, mas também a própria máquina, serão preservados. Dentre as dicas de uso do elevador, essa é uma das principais e, ao mesmo tempo, mais fáceis de ser seguida.

7 – Tenha cuidado com as crianças e com os animais no elevador

Evite pulos e brincadeiras dentro da cabina e próximo das portas do equipamento. Os elevadores possuem cabos de aço resistentes, mas não são feitos para lidar constantemente com este tipo de impacto. Além disso, suas roldanas também podem ser prejudicadas.
Portanto, é fundamental redobrar a atenção com as crianças e com os animais no elevador.

8 – Respeite a entrada e a saída das demais pessoas

Já falamos sobre pressa nesse texto, e como ela pode ser prejudicial aos elevadores. No entanto, ela também pode prejudicar o convívio entre as pessoas, gerando inconvenientes.
Portanto, tenha calma para entrar e para sair do equipamento, principalmente quando idosos e grávidas, por exemplo, estiverem saindo junto com você.

9 – Tome cuidado com os possíveis desníveis dentro da cabina

Na hora de sair do elevador, pode ser que haja desníveis também. Portanto, atente-se ao pavimento quando chegar no andar que deseja, e confira se o elevador e ele estão alinhados. Caso note alguma diferença, avise o síndico ou o responsável pelo local.

10 – Tome cuidado geral com o equipamento

A nossa décima dica de uso do elevador é tomar um cuidado geral e básico com o equipamento. Evitar água e objetos que risquem sua estrutura são ações ideais para que ele continue funcionando bem por muito tempo.

Elevador e manutenção

Todos os cuidados citados até aqui são importantíssimo, tanto para as máquinas quanto para as pessoas. No entanto, além do cuidado diário, é fundamental que os elevadores passem mensalmente por manutenções.
Isso porque é durante uma manutenção que o técnico poderá identificar alguma peça que já não funciona mais como deveria e precisa ser trocada, por exemplo.
Nas manutenções também são reprogramadas a casa de máquinas, caso seja necessário, além da realização de limpezas e higienizações.

Além dos benefícios atrelados ao desempenho do elevador, as manutenções também podem gerar economia.
Devido ao fato de as peças serem constantemente analisadas, cuidadas e reparadas, elas são menos trocadas. Além disso, problemas maiores e mais caros passam a ser evitados com ela. O gasto com energia também pode ser reduzido.

São três os tipos de manutenção para elevadores:

  • Manutenção preventiva;
  • Manutenção corretiva;
  • Manutenção preditiva.

As manutenções de elevador são regulamentadas pela ABNT. Mas ainda que o órgão tenha atuação nacional, cada município é responsável por criar e gerenciar as suas próprias leis acerca do tema.

Gostou das dicas de uso do elevador? Compartilhe com seus amigos que utilizam frequentemente este equipamento e ajude a garantir viagens seguras e tranquilas!

Conheça também o nosso blog e acesse outras matérias para tirar todas as suas dúvidas acerca do mundo dos elevadores!